h1

Match Point – Ponto Final

março 4, 2008

match-point-poster-1.jpg

Match Point (Inglaterra/EUA/ Luxemburgo, 2005)

Direção: Woody Allen

Roteiro: Woody Allen

Elenco Famoso: Scarlet Johansson, Jonathan Rhys-Meyers, Emily Mortimer, Alexander Armstrong, Matthew Goode, Brian Cox, Penelope Wilton, Simon Kunz, Greoffrey Streatfield, John Fortune, Rupert Perry-Jones, Miranda Raison, Rose Keegan

Chris Wilton (Jonathan Rhys-Meyers) é um ex-tenista, com uma ex-carreira promissora que se torna instrutor de tenis num clube frequentado por ricos. Um de seus alunos é Tom Hewett (Matthew Goode) filho de um empresário muito rico. Apesar de não ocupar a mesma posição social de Tom, Chris tem os mesmos interesses culturais, como a ópera.

Graças a tais afinidades, Chris torna-se amigo de Tom e se aproxima de sua irmã, Chloe (Emily Mortimer). As afinidades entre Chris e Tom ficam mais evidentes quando surge Nola (Scarlett Johansson), uma aspirante a atriz americana, namorada de Tom.

Paralelamente a seu namoro com Chloe, que o empregou na empresa do pai, e a ascenção de Chris na empresa, o romance com Nola fica cada vez mais perigoso mesmo quando Nola se separa de Tom.

Enquanto Chloe é uma mulher serena, Nola tem as curvas e o temperamento que normalmente enlouquecem os homens. Chris é um homem que acredita na sorte, na pura sorte. Não em golpes do destino, nem em karma. Essa sorte (ou falta dela) o fez engravidar Nola, ao invés de sua mulher que ansiosamente queria um bebê.

O desenrolar dos fatos e sua conclusão, mostra que a sorte realmente estava ao lado de Chris, independentemente de sua atitude ser certa ou errada.

Essa foi a primeira parceria entre Scarlett Johansson e Woody Allen, é também o primeiro filme de Woody que se passa em Londres. Dizem por aí que esse é seu primeiro bom filme em anos, depois de “Match Point”, Woody escreveu “Scoop” para Scarlett…esse ultimo sem avaliação. Bem, o que uma inspiraçãozinha (sexy e loira, diga-se de passagem) não faz a um homem.

Nota 8

resenha por Priscila

One comment

  1. Tudo é uma questão de sorte (ou falta dela) …



Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: