h1

Scoop – O Grande Furo

março 10, 2008

Scoop

Scoop – 96 min, EUA/ Inglaterra, 2006

Direção: Woody Allen
Roteiro: Woody Allen

Elenco Famoso: Woody Allen, Scarlett Johansson, Hugh Jackman

Joe Strombel é um talentosíssimo e ilustre jornalista que, após morrer e se ver em um barco que o leva para o Além, tenta perguntar à Morte para onde está indo. Sem ouvir resposta à sua pergunta, a secretária de Peter Lyman (Hugh Jackman) diz que já tentou várias vezes e ela jamais responde. Após uma rápida conversa de gente morta, ela conta o grande furo do título ao jornalista. Como não há graça alguma em saber algo espantoso se você não pode contar a ninguém (a alma do jornalismo), ele dribla a morte para tentar comunicar alguém.

Enquanto isso, a emotiva aspirante a jornalista Sondra Pransky (Scarlett Johansson) assiste ao espetáculo do ilusionista Splendini (Woody Allen) e se voluntaria para participar de um número. No meio dele, Joe Strombel aparece para Sondra e lhe conta detalhes sobre o que seria o maior furo da história desde Jack, o Estripador.

O filme é uma comédia leve e inteligente, com boas sacadas, embora o enredo chame mais atenção do que as piadas. Hugh Jackman atua ainda melhor do que de costume, Scarlett Johansson está ótima (e linda) como sempre e Woody Allen encarna muito bem o personagem que, apesar da idade avançada, tenta fazer brincadeiras infantis a toda hora. Aliás, há quase uma rivalidade de humor entre o personagem dele e a de Johansson, sendo o dele recheado de piadas meio forçadas e o dela algo mais natural. Com uma trilha sonora extremamente apropriada (com músicas clássicas) para a Aristocracia inglesa, o filme é realmente incrível.

O filme é ótimo, mostrando que comédia não precisa ser necessariamente estúpida para ser boa e ter uma certa visibilidade na mídia, ainda que parte disso deve-se às grande estrelas do elenco. O longa deixa uma mensagem crucial sobre o jornalismo investigativo: Mais importante do que fazer justiça, é fazer sucesso.

Nota: 9,5

Por Renato Valverde

3 comentários

  1. Interessante, apesar que são poucos os que apreciam uma comédia inteligente … infelizmente.


  2. Puxa! Nota alta, hein?

    O filme deve ser realmente bom.


  3. uhu
    linda resenha amor
    ;)
    gostei mesmo e concordo com “Mais importante do que fazer justiça, é fazer sucesso.”
    huash
    te amo



Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: